Você está gostando do
novo mangá Boruto ?


Gostei Muito !
Precisa Melhorar
Muito Fraco
Atenção ! Boruto Episódio 05 - Misterioso Estudante Transferido...!! será lançado dia 03/05/2017 aqui entre 06:30 e 07:30 da manhã !
Kakashi Hiden - Prólogo
Postado Por: Gaara
Data: 2015-03-06 18:54:21

A novela "Naruto - Kakashi Hiden: Hyoten no Ikazuchi" lançada em 04 de fevereiro, junto com volume 72 da série regular, traz Hatake Kakashi como Sexto Hokage e o personagem principal da história. A novela é escrita por Akira Higashiyama (roteirista do filme Naruto Shippuden: Blood Prison).



Para ver outras partes do livro acesse aqui.

-----------------------------------------------------------------------------

Prólogo - A Nova Ordem

Páginas 01 e 02

As primeiras duas páginas são capa.

Páginas 03 e 04

Sustentado pelo forte vento nos céus, 500 metros acima do solo, Sai virou-se. .

 

"Ahh", disse Naruto. Ele olhou para o distante território inimigo, abaixo dele.


"Não será um problema 'ttebayo."


"No entanto, seu braço ainda está..."


"Para caras como eles, um braço é suficiente 'ttebayo."


Um grande pássaro foi criado utilizando o Choujyuu Giga, acobertados sob a calada da noite, não podiam ser visto a partir do solo.

 

No entanto, do ponto de vista de Naruto, ele viu o chão claramente.
Apesar de ser meia-noite, eles podiam ver os alvos à espreita no vale das montanhas ásperas, através da fumaça das tochas dos vigias noturnos ardendo continuamente.

 

Ao redor, haviam Shinobi vigias caminhado pelo local. As íngremes falésias rochosas tinham linhas que ligavam ao cume semelhante a um agulheiro. Sentido o frio do luar, eles pareciam molhados pela umidade.  


 

"Certamente, um reduto estratégico utilizando de defesas naturais..."


Sai falou o que Naruto tinha pensado.


"Para que Garyo¹ está se movendo em círculos, hein?"


"Por causa disso, as pessoas do País das Ondas foram assassinadas."


 

Naruto rangeu firmemente os dentes.


 

Nota¹ - Garyo (??, Obstinado/Dragão) é o líder da grupo Ryuuha Busou Doumei.


 

Páginas 05 e 06

 

Um ano após o fim da Quarta Guerra Mundial Shinobi, numa noite de setembro, de fortes ventos.

 

Uivando ligeiramente, o vento sopra através do vale. Temporariamente, esgueirando-se de sua posição, Sai e Naruto continuam montados no grande pássaro. Enquanto voavam em círculos, mantinham o esconderijo de Garyo abaixo deles.

 

Não é algo para se pensar profundamente, Naruto. Quanto a Quarta Guerra Mundial Shinobi, não significa que a guerra tenha sido a última para toda a humanidade."


"[...]"


"No entanto, é lamentável que pessoas que simpatizam com a ideologia de Madara irão aparecer no futuro."

 

Antes de Sai falar, Naruto pulou para a parte de trás do grande pássaro.


 

""Garyo é idêntico a eles, certo?"

Boooooooom!
Enquanto ouvem o som rasgando o ar, Naruto desceu do céu noturno. Ele fez uma cruz com o dedo indicador da mão esquerda e o dedo médio entrelaçando eles. Por causa da batalha com Sasuke, ele perdeu seu braço direito. Esse é um método recém aprendido de fazer selos.

"Tajyuu Kage Bunshin no Jutsu!"

Poof! Quando os guardas notaram (que era Naruto) surgindo entre a fumaça, já era tarde demais, o Kage-bunshin cercava o esconderijo de Garyo.

"É um ataque inimigo!"


 

Páginas 07 e 08

 

Vozes furiosas surgem de todos os lugares.


 

"Protejam Garyo-sama!"

O abrigo foi propositalmente construído próximo da beira do precipício, uma vez que haviam várias cavernas, Shinobi inimigos correram para fora delas.

O Kage-bunshin arremessou kunai, e várias pessoas desabaram de uma vez. Naruto foi decapitado por um inimigo atrás dele. Com um poof, a fumaça irrompeu e o Kage-bunshin desapareceu. A partir de uma abertura no centro do esconderijo, inflados de raiva o inimigo voou sobre eles transformando o local em um campo de batalha. Naruto verificou com seus olhos o local. Antes disso, ele havia sido informado por Kakashi para procurar uma caverna.

Era onde havia pedras afiadas que pareciam duas presas que foram penduradas no teto da caverna. Nesta caverna, quase inacessível por causa das inúmeras montanhas, era a única maneira de entrar e sair do esconderijo de Garyo. Isso foi o que Kakashi tinha informado para Naruto.

"Se esse é o caso... Se ele tem a intenção de escapar, ele não terá escolha senão fugir da caverna 'ttebayo!"

Na caverna Kage-bunshin e inimigos haviam lutado até a morte. Dentro dessa caverna era como a boca de um animal expondo todas as suas presas. Shinobi foram protegê-la. Um pequeno grupo de homens tentou sair correndo, a barra de suas roupas rasgando...

"Garyoooooo!" A voz de Naruto ecoou pelas rochas. "Você, definidamente não vou deixar você escapar!" .


 

Páginas 09 e 10

Antes do eco desaparecer, um único shinobi aparece no caminho à frente de Naruto. Esse shinobi estava vestido com um traje branco-neve. Uma máscara branca com um padrão de gancho cobre seu rosto.


 

"Não fique no meu caminho 'ttebayo!"

Rapidamente Naruto atira uma kunai. No entanto, assim que a ponta de sua espada entrou em contato com ela, o shinobi mascarado desaparece em uma trêmula névoa. Além disso, quando Naruto percebe, suas costas estavam expostas.

"Hyouton: Jisarenhyou"

A parte de trás de seu corpo fica entorpecido, ele foi atingido com o ataque.

Por causa disso, ele declinou um pouco, mas não ao ponto de tombar por completo.

Naruto apoio-se com os pés. Ele se virou, brandindo uma kunai, enquanto enfrenta o homem mascarado... Na realidade, ele estava tentando enfrentá-lo. Mas por algum motivo não conseguia.

"O qu—que? 'ttebayo..."

Havia uma sensação como se algum coisa aranhasse o interior do seu corpo. No momento seguinte, essa sensação se transformou em uma dor aguda.

Biki, biki... bikibikibikibiki! (som de pedaços congelando).

Um número incontável de lascas de gelo começaram a crescer através de seus vasos sanguíneos. O interior de seu corpo parecia estar rasgando em pedaços.


 

Páginas 11 e 12

 

Kahyo ficou com os olhos ressecados.

Para Kakashi, aquele olhar foi mais triste do que aqueles olhos que antes fluíram lágrimas.

Kahyo apertou o peito e deixou um olhar vago. Várias pessoas viraram o rosto.

Em seguida, Kakashi lembrou os últimos momentos de Momochi Zabuza.

Foi a primeira missão do time 7. Naruto, Sakura, além disso, também Sasuke estava lá.

Eles deveriam escoltar o carpinteiro Tazuna no seu retorno para o País das Ondas. Deveria ser uma missão simples.

Havia um homem extremamente rico chamado Gatou. Ele contratou Zabuza e Haku para assassinar Tazuna.

Zabuza e Haku eram inimigos formidáveis. Na medida que Sasuke ficou a beira da morte.

No final, outros subordinados de Gatou encurralaram Zabuza, deixando-o a beira da morte. Em seus momentos finais, ele desejou morreu ao lado de Haku.

Imaginar aquela cena... Zabuza alinhado com Haku no chão, sobreposta a de Kahyo abraçando seu filho morto, deixou a nukenin sem palavras.

"Então, o motivo por não utilizar meu jutsu imediatamente em você..." Os lábios de Kahyo levemente moveram-se. "Talvez eu queira que você nos impeça."

[...]

"Mas já é tarde demais."

Pergunto o que posso fazer? Fechando punho até os dedos ficarem brancos. Kakashi gostaria de saber como salvar o coração dessa mulher?

"A lenda termina aqui..." Rahyo ordena. "Aprisione esse cara em algum lugar!"

Kakashi é levado pelos shinobi.

Kahyo sequer olha em sua direção.


 

Páginas 13 e 14

 

"Pensando bem, me lembro vagamente que Haku usava uma máscara". Naruto desliza uma kunai na nuca do alvo. "Essa técnica de gelo...Você, você é um nukenin de Kirigakure (Vila Oculta da Névoa), certo?"

"Como eu esperava, não era seu corpo verdadeiro...", disse o shinobi mascarado, olhando por cima do ombro para o corpo de Naruto que ele tinha derrotado alguns momentos atrás. "Mas, considerando que você é aquele Uzumaki Naruto, aquele que derrotou Uchiha Madara, pensei que você teria uma reação para tudo, inclusive meu ataque".

Poff! O Naruto Kage-bunshin preso no gelo rachou e desapareceu. Em seguida, o gelo que cobria o Kage-bunshin quebrou-se em vários pedaços deixando um som de frio no ar. Naruto e o inimigo trocam olhares.

"Devolva Garyo-sama, de volta para nós." "Isso está fora de questão "ttebayo." Naruto encarou o shinobi mascarado. "Por causa de vocês, centenas de pessoas morreram no País das Ondas."

"Foi por causa de nossos ideais." "Ideais de Madara? Esses ideais são de que a guerra..."

"E foram o fracasso de Uchiha Madara." Garyo interrompeu Naruto. "Ele mergulhou de uma vez o mundo inteiro no Tsukuyomi Infinito."

Naruto olhou para baixo e fitou o pequeno homem e aproximou uma kunai em sua direção. Seu corpo estava impregnado por uma intensa e incansável umidade. Naruto empurrou uma kunai contra o pescoço. O inimigo agia como se não fosse nada.


 

Páginas 15 e 16


 

Seu longo cabelo branco estava amarrado com uma tira (estilo rabo de cavalo). Ele cresce a partir de uma barba branca. Ao lado de um seus olhos amendoados, o branco parecia enlameado.


 

"Entretanto, as intenções de Madara não são um erro." Com a borda de sua roupa balançando pelo vento, Garyou continuou.

"Livrar o mundo de conflitos. Por uma forma de implementar a justiça final. Madara não teve escolha senão usar o Tsukuyomi Infinito. Naturalmente, Madara morreu. Sendo assim executou o Tsukuyomi Infinito. Por causa de Uchiha Sasuke, o plano foi relegado ao esquecimento. No entanto, ao mesmo tempo que o poder verdadeiro tenha se perdido, o ideal não morreu. Embora não haja outros meios para fazê-lo, passo a passo, devemos ser capazes de abordar os ideais de Madara. Eu acredito nisso."

"Que tipo de coisa você pretende fazer "ttebayo?" "O que é justiça final?

Essa seria a igualdade para todas as pessoas."

"A infelicidade deste mundo é causada inteiramente pela desigualdade. E assim, para implementar a igualdade, o que deve ser feito, a fim de alcançar isso? Seria controlar a liberdade individual. A liberdade de fazer dinheiro, a liberdade de ter mais posse do que outra pessoa, ou a liberdade da pessoas se sentirem melhores do que as outras...

Nós lutamos para controlar essa liberdade. Se nosso experimento dar certo, em breve, outros países irão chegar ao ponto de aprovação.

Para chegar ao ponto onde toda a liberdade do mundo será controlada por nós. Este é certamente o verdadeiro significado dos ideais de Madara.

E assim, irá nascer uma nova ordem mundial." "E por causa disso, escolheram o País das Ondas como cobaia?." A voz de Naruto escapou entre os rangeres de seus molares.


 

Neste país eles (Garyo) têm uma vila oculta e tal como aquele¹, matam pessoas que não sabem se defender.


 

Nota¹ - Uma possível referência a Gatou, líder de criminosos que controlavam a País das Ondas, citado no arco do País das Ondas ou pode ser uma referência a Uchiha Madara citado mais acima.

 

Páginas 17 e 18

 

No começo, havia paz neste país (País das Ondas). Ao que parece eles trouxeram ódio e tristeza.


 

Enquanto houver desigualdade neste mundo, não haverá um país que não tenha ódio ou tristeza.

O vento sopra na direção do interior da caverna. A manga da camisa direita de Naruto balança, vazia por conta do braço ausente.

Neste país, não existia uma vila oculta. É por isso que muitos nukenin vivem por aqui.

Esses renegados que vivem no País das Ondas, matam uns aos outros quando se indispõem. Shinobi vivem escondidos, enquanto seres humanos normais vivem e tentam envelhecer. Seus pedidos são modestos: ter condições de uma vida humana.

No entanto, para aqueles que desde de sua infância, matam uns aos outros, não é fazer seguir em frente."

"Então, o que eles podem fazer? Para o povo do País das Ondas, que os desprezam. Eles pensam que podem comprar sua dignidade com dinheiro.

Quando é necessário um poder militar, eles utilizam o dinheiro deles, e contratam pessoas como você. Não sujam as próprias mãos. Pensam que tudo pode ser resolvido com dinheiro. Dinheiro! Dinheiro! Dinheiro!

As pessoas que não têm dinheiro não recebem tratamento/serviços humanitários. Isso também acontece com você e seus companheiros que estão lutando agora também." Naruto voltou seus olhos para o mascarado também.

"Meu filho foi picado por uma vespa, e foi levado a um hospital.

Não havia um médico sequer por lá. Nem no próximo hospital. E mesmo no seguinte. Aqui havia alguém. Por fim, quando encontramos este curandeiro suspeito, na qual não era médico. Meu filho tinha sintomas de choque e estava a beira da morte."


 

Páginas 19 e 20


 


"Claro, o encantamento não funcionou, era inútil para ele. Se ele tivesse um tratamento médico imediato, possivelmente, teria sobrevivido. No entanto, todos os médicos tinham desaparecido do País das Ondas. Por que isso?"

As palavras de Garyo cortadas pela dor, foram expelidas para fora.

"Por causa da Quarta Guerra Mundial Shinobi, para dar tratamento médico a todos os shinobi feridos, os Cinco Grandes Países compraram todos eles."

"[!]"

"Se há paz no País das Ondas, é porque eles pisam em cima dos pobres e pessoas carentes. Uma paz construída em cima de um rolo de notas," disse Garyo.

"Como você pode dizer que não há ódio e tristeza neste país, em?" Naruto calou-se e outra voz foi ouvida. O shinobi mascarado: dobrou o corpo, e atingiu o chão com a palma da mão.

"Hyouton: Jisarenhyou"

"[!?]"

A onda de choque retumbou através de seu corpo. O chão começou a rachar. Um número incontável de pingentes brotaram em seguida. Os pingentes de gelo perfuraram o teto da caverna.

O local onde Naruto e Garyo estavam foi cautelosamente protegido. Eles foram empurrados para o interior da caverna. De repente, a rota de fuga foi bloqueada.

"Para o meu Jisarenhyou, se tiver um pouco de umidade, tudo pode ser congelado".

A voz além da máscara ficou mais baixa e rachada.

"Você não têm para onde fugir... Devolva Garyo-sama."


 

Páginas 21 e 22


 

As forças inimigas gradualmente reunem-se.


 


"Quanto ao seu filho, minhas desculpas pelo que aconteceu com ele" "[...]" "No entanto, não concordo com o que você está fazendo "ttebayo", disse Naruto.

"A tentativa de abrir mão da liberdade matando pessoas, você acha que as pessoas restantes ficarão felizes? Com uma coisa dessas, um novo ódio irá nascer "ttebayo."

"Não há reforma sem o envolvimento da dor", disse o inimigo sob a máscara. "Isto é necessário quando se implementa uma nova ordem. É o produto do sofrimento."

"Além disso, por que usar usar este método 'ttebayo." "Não tenho a intenção de discutir com você neste lugar"

"[...]"

"Se você não devolvê-lo, a partir daqui, vou definir o seu caminho."

"É difícil, mas não tenho intensão de brigar com você." Enquanto fala, Naruto segura Garyo com seu único braço e empurra o chão com as penas, saltando para o teto da caverna.

"Hyouken no Jutsu."


 

Um som como vidro quebrando ressoou pelas montanhas. A umidade na atmosfera condensou. Um número incontável de adagas de gelo são atiradas em Naruto. As espadas de gelo refletem o luar. Reluzindo e brilhando. Todavia, Naruto demonstra um sorriso sarcástico.


 

Páginas 23 e 24


 


Na iminência de ser perfurado por espadas de gelo, de repente, um turbilhão negro agarra Naruto e Garyo. Piiiii ~ A voz do pássaro, ecoou pelo vale.

O shinobi mascarado olhou para cima, seus olhos claros ateando fogo, olhando para o pássaro preto que havia sequestrado Garyo.

"Chegou na hora dattebayo." "Descobriu tudo, certo?" Na sequência, na parte de trás do grande pássaro, Naruto e Sai trocam comprimentos (high-five).


 

[Mudança de Cena/Line Break]

 

"Daquela época, já se passaram mais de seis anos...Quanto a mim 'ttebayo, eu tinha 12 anos! Estávamos em uma nova missão do Time 7 'dattebayo. Kakashi-sensei, Sakura-chan, e aquele cara Uchiha Sasuke, eles também estavam lá..."

"Foram apenas seis anos." Inari corrigi as palavras de Naruto. Ele está agora com aproximados 14 anos de idade, mas aparenta ser mais maduro. Em sua cintura um martelo e serra são pendurados em um cinto de ferramentas de couro.

"Mas Naruto-niichan, você está? Bem, Naruto-niichan..." "Você está falando do braço direito?"


 

Páginas 25 e 26


Inari desviou o olhar. Naruto perdeu boa parte do braço direito, durante sua batalha com Sasuke.

 


Inari desviou o olhar. Naruto perdeu boa parte do braço direito, durante sua batalha com Sasuke.

"Sobre isso, deixa pra lá 'ttebayo!"Naruto soltou uma grande gargalhada. "Em troca de um braço como esse, consegui algo muito mais importante." "Você continuará assim?"

"Agora, Tsunade-baachan está fazendo um braço protético para mim 'ttebayo. Por isso não há com que se preocupar, Inari." "Então tá..."

"Fora isso, o que aconteceu com o País das Ondas?"

"Naquela época, quando eu conheci Naruto-niichan, eu e meu avô conseguimos construir a grande ponte. Ele achava que todos poderia ser felizes"

Inari soltou um sorriso contido.

"No entanto, graças a você, com a Grande Ponte Naruto, o tráfego aumentou. O comércio cresceu e algumas pessoas ganharam muito dinheiro, logo todos ficaram preocupadas apenas pelo dinheiro. Semelhante a Gatou, essas pessoas fariam qualquer coisa por dinheiro. Eles não são tão diferentes assim."

"Antes disso, eu tinha me encontrado com você..."

"Quando Pain destruiu a Vila Oculta da Folha, ajudamos nos reparos."

"Naquela época, não tínhamos muito tempo para conversar... E agora, o País das Ondas se tornou isso."


Páginas 27 e 28

 

Durante o silêncio, Naruto se levantou, e aproximou-se das lápides de Zabuza e Haku. Das árvores foram construídas sepulturas bem simples. Percebia-se que seis anos no tempo tinham passado. Na época, próximo ao túmulo de Zabuza, Kakashi tinha colocado a Kubikiribocho. O parceiro de Sasuke, Suigetsu tinha pegado para si.
A brisa soprou através da pastagem, balançando as flores selvagens. Naruto, por outro lado, tinha crescido.


 

Por falar, o que Tazuna-otchan está fazendo? Ele está bem?"

Inari hesitou um pouco, mas logo falou o que estava pensando.

"Com o fim dos últimos retoques no Tobishachimaru, ele passa as noites no estaleiro do porto."

"Ele está construindo um novo navio?"

"É um tipo de navio, um tipo de navio que voa."

"Ahh."

"Ele está tentando construir um novo sistema de transporte para o País das Ondas. Se o Tobishachimaru for concluído, o País das Ondas estará no topo do mundo dos transportes.

Agora, os navios e outros transportes demoram muitos dias para entregar as remessas, usando os céus, seria possível entregar produtos em um espaço curto de tempo."

 

O tom da voz de Inari entregou o jogo, embora seja uma boa história, foi o oposto. Em alguns aspectos ele acalmou-se, mantendo um auto-controle


 

"Na verdade, é um segredo, mas para o Naruto-niichan, acho que posso falar sobre isso. Quando uma unidade estiver concluída, os superiores do País das Ondas serão convidados para o voo de estreia, um passeio. Todo mundo verá o quão incrível é Tobishachimaru. A partir disso será recolhido mais dinheiro para construir outro navio, e depois outro, e conquistar o vasto mercado dos Cinco Grandes Países. Ainda é um segredo, quando o avô (e sua equipe) estiverem no passeio para Konohagakure no Sato, acredito que eles irão pedir para Konoha protegê-los".

 

Páginas 29 e 30

 

 

"No entanto, alguns shinobi podem utilizar este navio para voar pelos céus. E possível que haja um navio deste tipo?"

"O fato dos Cinco Grandes Países passarem tanto tempo na guerra, proporcionou ao País das Ondas desenvolver novas tecnologias".

"Isso é muito coisa?"

"O que o meu avô está construindo agora, eu acho que comporta cerca de 50, 60 passageiros. Se tivéssemos dinheiro, poderíamos construir um maior."

"Mas como pode um navio voar 'ttebayo?"

"Pense com se fosse um enorme balão", disse Inari.

"Cheio de gás e mais leve que o ar, e debaixo do balão, pessoas e bagagens, que pode ser carregadas em uma cesta de ferro... semelhante a uma gôndola, pense nisso. Em relação a popa (traseira), existem seis hélices. Isso é o básico para ele poder voar."

 

Naruto teve um estalo, formou uma imagem onde uma enorme cesta de bambu é suspensa por vários balões ligados a ela. Suspensa no ar, de repente, um bando de corvos bicam os balões. Pan-pam ~~ Estalos.

 

Páginas 31 e 32

 

Depois, as pessoas que tinham embarcado na cesta de bambu mergulharam de cabeça no abismo, caindo continuamente.


 

"Definitivamente não quero montar numa coisa dessas 'ttebayo.

" Ele estremeceu,

"Quanto a convidar os superiores, é realmente seguro?"

"Muitos testes de aviação estão sendo feitos."

"Estão? Porque você estão tão cabisbaixo, Inari?"

"...Ahh?"

"Está escrito no seu rosto 'ttebayo."

Naruto sacudiu os ombros.

"Além disso, não precisamos desse navio voador."

"...Sim". Inari baixou os olhos.

"Se o Tobishachimaru for concluído, certamente, ele trará um monte de dinheiro ao País das Ondas."

"Você não está alegre com isso?"

"Está tudo bem."

"[...]"

"Para as pessoas que trabalham na construção do Tobishachimaru, eu acho que um monte delas irá deixar o país quando o trabalho for concluído."

Inari levantou o rosto e olho para Naruto.

"Desde do início, nós do País das Ondas vivemos do transporte de remessas, pessoas que realizam os transportes sobre os seus ombros, e depois as pessoas que transportam por navios.

Atualmente eles são responsáveis por todo o trabalho. Então, o que vai acontecer com elas? Todo mundo vai odiar o Tobishachimaru. Os carpinteiros que criaram tal coisa, eles vão odiá-los também."


 

Páginas 33 34 35

 


"Dinheiro! Dinheiro! Dinheiro!" A voz de Garyo ressoou no ouvido de Naruto.

"Se há paz no País das Ondas, é porque eles pisam em cima dos pobres e pessoas carentes. Uma paz construída em cima de um rolo de notas..."

"De alguma forma, agradeço por prender Garyo."

Vendo a expressão série de Naruto, Inari mudou de assunto.

"Esses caras, desde o início, se opuseram à construção do Tobishachimaru. Eles assaltavam os carpinteiros, assassinavam pessoas... Garyo vai ser enviado para Houzukijyou¹, certo?"

"Ahh.. Acho que sim."

Houzukijyou é uma instituição que abriga presos, construída na Vila Oculta da Grama, os Cinco Grandes Países dividem as despejas e a gerência. Alguns anos atrás Naruto infiltrou-se em Houzukijyou numa determinada missão.

Como resultado, a prisão foi completamente destruída, desde então foi reparada. É por isso que Inari e outros carpinteiros do País das Ondas conhecem o local.

"Aliás, Naruto-niichan, você esteve em Houzukijyou, certo? Com certeza você espiou as mulheres no banho."

"Apesar de tudo essa era uma missão."

Vendo os olhos de Naruto arregalados, Inari riu. Naruto tentou evitar mais riu também.

"Bem, as coisas estão mudando muito rápido 'ttebayo", disse ele enquanto abafava as risadas.

"O dinheiro como as kunai e o ninjutsu, dependem da forma como nós os usamos, eles podem ser usadas para melhor ou para o pior."

Inari assentiu.

"Se há uma maneira de usar honestamente o dinheiro, haverá um monte de pessoas que podem ser ajudadas 'ttebayo."

Disse Naruto.

"No entanto, qual a maneira certa de fazê-lo, eu não sei. Eu acho que resistir a caras como Garyo e seus ideais, é um bom começo, certo?"

 

Nota¹ - prisão do País da Grama, citado no filme Blood Prison.

 

FIM DO PRÓLOGO



PortalNaruto.net / PortalNaruto.Org / PortalBoruto.Com 2009/2017 - Todos os direitos reservados
Boruto todos os Episodios Legendados em Portugues para assistir online! Assistir o anime Naruto Shippuden online com episodios em HD